WEB RÁDIO

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Seca no Nordeste é a pior das últimas décadas, alerta senador

Primeiro a discursar em Plenário nesta quarta-feira (28), o senador Cícero Lucena (PSDB-PB) afirmou que a seca que atinge a Região Nordeste é uma das piores dos últimos 40 anos.

Ele clamou por ações rápidas e eficientes dos governantes nos mais de 1.200 municípios que já declararam estado de emergência.

O senador disse que a seca, principalmente no semiárido brasileiro, acontece com frequência desde o século 16, com medidas governamentais sendo adotadas desde a época do Brasil imperial.

Para Cícero Lucena, “não há mais espaço para soluções paliativas”. Ele pediu ao governo federal a adoção de medidas concretas e definitivas para que os nordestinos consigam sobreviver à estiagem.

Ele cobrou ações de órgãos como a Secretaria de Direitos Humanos e da Unesco frente à “dura, cruel e triste” situação dos que sofrem os efeitos da seca.

O senador disse que os produtores rurais da região tiveram enormes perdas com a seca e necessitam de linhas de crédito especiais, anistias e renegociação de dívidas para que possam retomar as plantações e impedir que o gado morra de sede.

Apesar de lamentar que as obras de transposição do Rio São Francisco “estejam abandonadas”, Cícero Lucena comemorou a instalação, nesta quarta-feira (28), da Comissão Especial Externa do Senado para acompanhar o andamento das obras.

Autor do requerimento de criação da comissão, o senador elogiou a boa disposição de seu presidente, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), e do relator, senador Humberto Costa (PT-PE), além de saudar o plano de trabalho apresentado.

Da Agência Senado

Nenhum comentário:

Postar um comentário